sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

INFANTES INFAMES

Coisas de criança...
Chamamos de coisas de criança tudo aquilo que num adulto é considerado inadequado.
Quando estamos na companhia das crianças nos deixamos infantilizar, porque é adequado naquele momento. A gente não pode dizer pra uma criança coisas que diríamos a um adulto, porque aí sim seríamos ridículos.
E ser ridículo só é permitido na nossa intimidade né. Sabe aquelas coisas de chamar o marido ou a esposa por um apelidinho assim cuti-cuti? É ridiculo eu sei e todos sabem, por isso é dito lá no segredo das quatro paredes da nossa intimidade.
Já conheci pessoas, bem rapidamente e agradeço a Deus por isso, que falavam aos quatro ventos os seus cuti-cutis de esposa/marido que ama...na frente dos amigos e parentes...fala sério!!
Pois é...acontecem a todo instante isso de adultos com manias de criança. Nem vou comentar aqui a falta de educação de alguns pais que mimam excessivamente seus filhos. Digo excessivamente porque mimar faz parte, afinal amamos tanto esses nossos filhos que mimamos sim, mas tudo tem seu tempo, sua hora e sua medida! Falando assim fico parecendo aquelas psicopedagogas aposentadas falando cheias de razão sobre suas teorias com o óculos na ponta do nariz, epa...o meu está na ponta do nariz, rsrsrs... eu não. Falo como mãe mesmo oras.
Observadora que sou, acho que sou e vejo alguns filhos já grandinhos falando com voz mole pras suas mães de voz mais mole ainda... ai ai que feio e que ridículo.
E voltando a falar no ridículo, é cansativo e desgastante você ter que explicar pra um adulto que sua atitude é de criança. É cansativo tentar entender a atitude dessas pessoas. E é sobre isso que quero falar aqui.
Passei por isso ontem.
Ter que explicar o óbvio, de forma mais fácil possível e ainda assim perceber que o que não estava sendo compreendido era por uma birra de criança. Ora faça-me o favor, você já tem quase 40 anos. Nem combina mais. Olha aí o ridículo de novo.
Quem conviveu comigo as ultimas 24 horas sabe do que eu estou falando e do quanto fiquei, digamos assim irritada mas depois até dei risada com aquilo.
Mas passou e foi resolvido.
Aí lembrei de um fato. Lembrei e relacionei.
Certas pessoas não crescem.
E certos homens não crescem.
Andei indignada uns dias. Ainda estou na verdade.
Com vontades de escrever xingamentos pelas paredes da internet afora.
Quando temos 15 anos ouvimos daquela tia legal ou da irmã mais velha ou até daquela professora de Ciências que as meninas amadurecem mais rápido. Mas ninguém nos disse que alguns meninos não amadurecem nem devagar e nem nunca. E a gente só percebe isso convivendo com essas criaturas irritantes.
E sabe do que mais? A culpa é sempre das mães.
Ave Maria, tinha que ser hein! Já não basta engordar 20 quilos na gravidez e ainda mais essa...mas é a dura realidade. Porque as mães esquecem que um dia, foram mulheres a procura de um homem maduro. E quando é mãe, cria seu menino para ser um babaca esquecendo que alguma parceira sua lááá na frente vai cobiçar o filhinho e querer que ele tenha atitudes de Homem. Mas se ele foi criado pra ser um mimadão infantil, fica difícil, hein? Prejudica as companheiras da classe.
Daí as psicólogas e os terapeutas que deem um jeito. Cavuquem a vida desse homem pra dizer que ele precisa crescer. Tá na hora meu filho!! Corre atrás.
Mas atéééé isso acontecer ele vai errando e iludindo e machucando por aí como quem não quer nada. E eu querendo que antes que ele cresça, que se ferre um pouquinho só.
Ai que maldade né. No fundo e no raso eu sou boazinha, mas tudo tem limite. Canalhice só cai bem em Hollywood porque nos filmes alguns canalhas são lindos e sedutores o que não é bem o caso, seduza lá suas negas, mesmo porque as que te cercam, querem qualquer um que pague o divertimento de hoje.
Estou aqui falando e desabafando. Já me disseram que não cai bem xingar, que não adianta publicar minha indignação. Mas eu não ia perder a oportunidade já que deu vontade de escrever sobre isso.
Fechando o assunto, criancices são lindas em crianças. Passou dos 10 anos fica estranho. Chegou aos trinta/quarenta então fica ridículo. E aí só uma boa terapia. Ou sua cara bem quebrada por aí.
Eu ia achar bem melhor!

Por Irma Brazil


Nenhum comentário:

Postar um comentário